CAPA_Ebook.jpg

História dos Movimentos Sociais de Luta pela Terra no Sul do Brasil

(1940-1980)

Humberto José da Rocha
João Carlos Tedesco
Antonio Marcos Myskiw

A inteligibilidade e a legitimidade dos movimentos sociais acontecem através de mediações feitas por pessoas comuns que se consolidam no processo das mobilizações sociais. Um bandido social como Pedro Santin, uma indígena como Fen’Nó, um bispo como Dom Agostinho ou um político como Calixto, são sujeitos de um processo dúbio e/ou contraditório da modernização no Sul do Brasil. Conhecer esse processo histórico ajuda na compreensão, tanto da dinâmica dos movimentos sociais contemporâneos, quanto dos contramovimentos de negação desses e da própria história do Sul do Brasil.