CAPA_SITE.jpg

O interventor Flores da Cunha e sua relação com Passo Fundo e região (1930-1937)

Alexandre Aguirre

O livro analisa o governo de Flores da Cunha e as relações político-administrativas com o município de Passo Fundo e região, Norte do Rio Grande do Sul, no período em que governou o estado (1930-1937), primeiro como interventor federal nomeado pelo Governo Provisório de Getúlio Vargas e, posteriormente, eleito governador pela Assembleia Constituinte, em 1934. O personagem central da análise, Flores da Cunha, tornar-se-ia o “fiel escudeiro” de Getúlio Vargas, tendo em vista sua participação destacada no movimento armado de 1930 e na Revolução Constitucionalista de 1932.